Quarta-feira, 28 de Julho de 2010

Pode-se acreditar nas instituições portuguesas???

Gostaria imenso de ACREDITAR nas instituições portuguesas: instituições governamentais ,instituições sociais,etc...Queria acreditar ,mas NÃO POSSO.

Não se faz ideia como é enquadrada a organização territorial dos Ministérios Governamentais...Há Ministérios a mais,Há POLITICOS a mais e só

existem uns quantos culpados e esses são os que trabalham: Os funcionários públicos...

Assim ,por exemplo ,uma Câmara Municipal põe em uso uma decisão contrária à da REUNIÃO CAMARÁRIA e assimessa decisão motivada pelo ABUSO

DO PODER ,é uma DECISÃO POLITICA...Depois ,para contrariar esta decisão politica ,que só beneficia ,uns quantos lobies,é preciso ir para tribunal.

Começamos pelo Julgado Municipal...Este não tem instrução nem investigação,logo um frágil ser deste país tem que ter a certeza dos dados ,embora ninguém tenha o DEVER de os facilitar...Assim fica o processo do julgado em águas de bacalhau e passa para cá 36 €uros,acrescidos de outros 36 por apresentação de queixa...Mas o êrro aí é este: Por exemplo ,não sei quem é o dono de uma parcela do terreno contigua...Na Cãmara não sabem informar,na Conservatória dão dados errados ,por incompletos ou então os livros ainda não estão informatizados,ou o sistema

está fora de serviço...

Assim,o dono que a gente pensa ser ,por que nos dizem,afinal não é dono por que o dono é um Banco que alocou financeiramente esse terreno a uma emprêsa espanhola e que hoje reside aqui,amanhã ali e ainda o mais certo é procurar no GOOGLE,ou na " INTERNET"...

Mas o que mais me espanta é a diversidade de instituições pra tratar de um assunto...

Se a parcela é reserva agricola,vou para uma instituição Se quiser reclamar do prejuizo do nivel friático tenho que ir para outra instituição,se se

MEXER  ou MOVIMENTAR TERRAS é noutra instituição...e assim se anda embrulhado sem ter conhecimento da pessoa a quem DEVE APRESENTAR

QUEIXA ,ou QUEIXAS,triplicando-se assim o expediente e o gasto em pessoal,que esse no caso de hoje começou a trabalhar às 10H00,apesar de se tratar o assunto com um advogado...

OUTROS TEMPOS...

 

Mas ,agora VOU FALAR da REFORMA DA SAÚDE MILITAR que é aquela que O ESTADO ME DEVE...

Recebi o Boletim do IASFA ( antigos SERVIÇOS SOCIAIS DA FÔRÇAS ARMADAS,para o que DESCONTAMOS 1,..% do vencimento,já REFORMADO),hoje, e LÊ-SE  A REFORMA DO SERVIÇO DE SAÚDE MILITAR,...como se estivesse já RESOLVIDO.como se a vida de um militar dependa

de um despacho,ou de uma comissão àd hoc.

Está correcta a visão deste assunto,mas ,há muitos anos ,na ceia do NATAL,lá no NORTE,havia um jôgo que se chamava "RAPA,TIRA,PÕE E DEIXA",pois é quase a mesma coisa ,deslocar serviços de uma fracção hospitalar,agora dependendo no conjunto ,do CEMGFA,mas NÃO ACREDITO

na eficiência.

Só quando fôr contrariado e nessa altura DIGO o que sinto desta REFORMA...Por acaso ,já trabalhei com pessoal da Marinha e da Fôrça Aérea,na

Policia judiciária Militar...,mas reparei que nem tôda a gente dos diferentes ramos SERVE para trabalhar em conjunto...

Lembro que ,na Guerra do Ultramar, já havia operações conjuntas,não é de agora e até RECORDO dos exercicios Wintex Cimex, em BRUXELAS e LX...

 

Mas ,não está ,nem vai estar nos anos restantes da minha VIDA...VOU PUBLICAR aqui a REFORMA ...feita ,certamente por civis incluidos na comissão,por que ,embora esteja programada por objectivos em cada Hospital ainda hoje existente,mas o certo CERTO é que para este ano

e por exemplo solicitada uma consulta em JUNHO,que era o mês que começavam as consultas programadas ,JÁ NÃO TINHA CONSULTA...

Ora todo o meu processo está no Hospital MILITAR...só consulta é que não tenho...

 

Bem queria acreditar nestas REFORMAS e nas INSTITUIÇÕES ,mas NÃO POSSO.Nada me garante que posso acreditar...O Melhor é sair de Lisboa e ir ,por exemplo para as CALDAS DA RAINHA...Aí deu-me uma má disposição e o que foi certo é que fui tratado como NUNCA tinha sido até então,tanto que até me senti na obrigação moral de escrever uma carta ao Ministro da Saúde e ao director do Hospital a agradecer,pois o que tenho a dizer digo-o tanto para o BEM como para o MAL,e seja a quem fôr...

 

Lisboa ,28 de JULHO de 2010

 

Por Fonseca dos Santos

publicado por blogdaportugalidade às 17:52
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14

19
20
21
22

24
26
27
29

30


.posts recentes

. NINGUÉM SE PREOCUPA CO...

. ESBANJAMENTO DE DINHEI...

. E ASSIM SE VAI VE...

. LER PORTAGENS NAS SCUTS,...

. UMA CARTA DE RUY DE CA...

. MOVIMENTO CONTRA O NAO : ...

. UMA CARTA AO SR (SENHO...

. CONGRESSO DEMOCRÁTICO DAS...

. AFINAL ,QUEM É O SINDI...

. PARA TODOS OS PORTUGUESES...

.arquivos

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

.favorito

. AH....GRANDE VINTE E CIN...

. As novas oportunidades

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds